MOGI INVESTE EM SEGURANÇA

Prefeito e secretário de Segurança foram até a China buscar tecnologia de reconhecimento facial

Por Giovanna Figueiredo / Fotos: Bruno Arib 

A Central Integrada de Monitoramento e Alarme de Mogi das Cruzes estuda a implantação de nova tecnologia. Em entrevista à GAZETA o secretário municipal de Segurança, Paulo Roberto Madureira Sales, contou que esteve com o prefeito Marcus Melo (PSDB) na China para conhecer a tecnologia que será implantada na cidade.

“Estamos trabalhando nesse novo sistema que vai contar com reconhecimento facial. Ou seja, se tiver alguém desaparecido ou procurado pela polícia, com a foto da pessoa será possível saber por onde ela passou ou onde está através das nossas câmeras que já estão instaladas. Isso vai ser muito bom para a cidade e seremos a primeira na América do Sul a ter isso”, explica o Coronel Sales.

EFICIÊNCIA – Coronel Sales destaca tecnologia que tem à disposição

De acordo com o secretário, estudos estão sendo feitos e o projeto é que o sistema seja implantado até o final desse ano.

CENTRAL – Atualmente a Central Integrada de Monitoramento e Alarme do município conta com 94 câmeras espalhadas pela cidade e 419 instaladas em prédios públicos. Elas são monitoradas 24 horas por equipe composta por guardas civis municipais (GCMs) e um agente da Policia Militar.

Ao constatar uma ocorrência a Central informa a guarda ou PM e imediatamente a viatura é enviada ao local. “Nosso sistema já conseguiu ajudar a solucionar crimes. Temos imagens de acidentes que ajudam a saber o que aconteceu. Muitas ocorrências são solucionadas através desse trabalho da Central”, comenta Sales.

O secretário relata que em um dos casos solucionados pela Central, uma mãe apareceu em desespero dizendo que sua filha de 22 anos, porém com idade mental de 8 anos, teria saído de casa e pegado um ônibus. Através das câmeras instaladas na cidade eles constataram que a menina tinha chegado ao terminal Estudantes e pegado outro ônibus, acharam a jovem e a mãe foi buscá-la. Ele destaca que o sistema de reconhecimento facial pode ajudar muito em casos dessa natureza.

TRÂNSITO – Das câmeras instaladas no município, 23 equipamentos fazem o controle de velocidade e situação de veículos que passam pela cidade. Integradas com o Estado e Policia Militar, as câmeras já ajudaram em muitas situações de furto e roubo, recuperando os veículos.

GCM – Outro elemento importante na segurança pública da cidade são os GCMs. De acordo com Sales, no mês que vem 40 novos guardas municipais serão formados e posteriormente uma nova turma será montada.

“É importante ressaltar que os GCMs da nossa cidade não são colocados na rua sem treinamento. Eles passam em torno de seis meses em um curso, onde é ensinado como proceder nas ocorrências, como se defender e imobilizar caso seja necessário, entre outras coisas”, finalizou o secretário de Segurança de Mogi.

A GCM conta com diversas patrulhas, como a patrulha Maria da Penha, Rural, escolar e etc. Todos com treinamento especializado. O prefeito afirmou que ainda neste ano novas viaturas serão entregues à guarda, a fim de ampliar a ação da mesma e consequentemente a segurança do município.