Perfil de ‘mudança’ defendido pelo PSD é apresentado por Said Raful

Cerca de 1.200 pessoas, entre filiados e simpatizantes, estiveram no evento. Foto: Divulgação

 

O PSD de Suzano apresentou, em evento de filiação e encontro com o pré-candidato a prefeito da cidade, Said Raful, e o coordenador regional do partido, Marco Bertaiolli (prefeito de Mogi das Cruzes), a ideia de um programa de governo simples, baseado em “cuidar de gente e melhorar a vida das pessoas”. Aproximadamente 1.200 pessoas participaram da reunião, que  marcou ainda a apresentação das novas lideranças do partido.

O PSD vem crescendo em Suzano. Durante o mês de março, o partido recebeu centenas de novos filiados, que participarão da construção das propostas de governo do partido. “O PSD tem se destacado por ser um partido íntegro, por mostrar exemplos de que é possível fazer administrações sérias, com honestidade, ética, correção, buscando sempre o melhor para o povo”, comentou Said.

Segundo o pré-candidato, este modelo de gestão precisa ser implantado em Suzano. “Por trás desta desorganização administrativa, da falta de remédio, da falta de médicos, por trás da falta de vagas em creches, deste mato todo que cresce nas calçadas e ruas. Por trás deste sentimento, que é o pior de tudo, de que as coisas não vão bem, não deixou de existir uma cidade que sempre foi promissora, que acolhe bem o seu povo e dá condições boas de vida. Nós temos que trabalhar para mudar este sentimento, e isto só se faz cuidando das pessoas, realizando uma boa gestão. Suzano tem jeito”.

Responsável pela filiação de Said Raful no partido e principal apoiador de sua pré-candidatura, Bertaiolli afirmou que o PSD terá candidaturas próprias em todos os municípios do Alto Tietê. “Vamos oferecer o que temos de melhor e vamos fazer uma campanha integrada, unida, com propostas semelhantes em todas as cidades, porque a nossa proposta é simples, é melhorar a vida das pessoas, estar ao lado das pessoas, escolhendo saúde e educação como prioridade”, disse.