Rússia informa eventual entrada do Exército americano na Venezuela

Pompeo, o secretário de Estado Norte-Americano, deu indícios durante encontro, de que os EUA podem entrar na Venezuela

  

Por Gabriel Dias / Foto: Divulgação 

 

O encontro marcado entre o chanceler Russo, Sergei Lavrov e o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, foi para tratar de assuntos nucleares entre os países que produzem este tipo de matéria-prima, por outro lado, o encontro chamado de o Conselho do Ártico, abordou temas polêmicos como por exemplo a crise na Venezuela e o colapso político que o país atravessa no governo do ditador Nicolás Maduro.

Depois do encontro, na Finlândia, nesta segunda-feira (06), Lavrov alertou a imprensa internacional e os políticos venezuelanos que são do lado de Nicolás Maduro, sobre uma suposta pressão que os EUA podem fazer ao mandar seu exército invadir o país.

Nas palavras de ambos os diplomatas (Pompeo e Lavrov), a reunião foi produtiva. Já na afirmação de Lavrov, fugindo do assunto venezuelano e direcionando o comentário a união dos dois países, o russo diz que, tanto o presidente dos EUA, Donald Trump quanto o presidente Russo, Vladimir Putin, ainda terão a oportunidade de se encontrar e, de novo, alinhar suas questões políticas. A alegação do representante russo foi em referência ao último encontro entre ambos os líderes políticos que aconteceu na cúpula de Helsinque em 2018 e, desde então, não se viram mais.

 

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.