Seja doador de medula e salve vidas

Participe do cadastro para doação de medula óssea em Mogi das Cruzes; evento ocorre no dia 25

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Divulgação

“A doação de medula óssea salva não apenas uma vida, mas toda a família”. Essas foram as palavras de Luiz Fernando Afonso, coordenador do Pró Medula de São Paulo, que passou pelo transplante há cerca de cinco anos e desde então dedica parte do seu tempo para conscientização sobre importância da doação.

Na última quarta-feira (15), ele e outras pessoas que atuam no setor estiveram em Mogi das Cruzes para uma coletiva de imprensa sobre o cadastramento de doadores, que ocorrerá no dia 25 de maio na cidade.

Durante a coletiva, Lilian Schwed Razaboni, responsável pelo Hemocentro da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, explicou que na região não há um ponto para essa coleta e que o ponto mais próximo fica na Santa Casa de São Paulo. No entanto, a equipe do hemocentro estará em Mogi para fazer o cadastramento dos interessados em doar.

“Para fazer o cadastramento é bem simples, uma amostra de sangue de 4 ml será coletada para exame de compatibilidade (HLA), serão coletados os dados cadastrais e posteriormente as informações serão incluídas no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (REDOME). A doação só será feita quando encontrado um receptor compatível. Mas é importante que a pessoa que se cadastra esteja certa que fará a doação quando necessário”, explicou Lilian.

Muitas pessoas ainda têm medo de fazer a doação, por acreditar que ela oferece riscos ao doador, mas o hematologista Paulo Villas Boas de Carvalho afirma que o risco é quase zero. “A doação também é procedimento simples, pode ser feito com retida de sangue pelo braço, que passará por um filtro que retira a medula e devolve o sangue ou por pulsão lombar. O tipo de doação depende da doença de quem deve receber o transplante. Os dois procedimentos são tranquilos e não oferecem risco ao doador.”

MUTIRÃO EM MOGI – No dia 25 de maio haverá a campanha de doação de medula óssea, organizada pelo Instituto de Oncologia de Mogi em conjunto com a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. O evento será no ComVem Patteo Mogilar, que fica na rua Manuel de Oliveira, 269, no bairro Mogilar, das 9 às 12h.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.