Adegas: elas estão espalhadas pela região e são fenômeno potencializado pela pandemia

A GAZETA visitou cinco adegas espalhadas por Mogi das Cruzes e uma em Salesópolis

Por Giovanna Figueiredo / Fotos: Bruno Arib

Tem para todos os gostos. Grandes, pequenas, coloridas, as que vendem só bebidas e têm aquelas que já se tornaram quase um mercadinho de bairro. Estamos falando das adegas, o comércio que se tornou o novo queridinho dos brasileiros.

Durante a pandemia, o fenômeno comercial tomou conta das cidades, e em Mogi das Cruzes não é diferente. A GAZETA visitou seis adegas, sendo que cinco estão espalhadas em vários bairros de Mogi e uma em Salesópolis, e vai contar para você um pouco sobre cada uma delas.

Adega Pit Stop

A Adega Pit Stop é uma das mais antigas de Mogi das Cruzes, pois está há mais 30 anos no mercado. Localizada na Avenida Henrique Eroles, no Alto do Ipiranga, o comércio tem vários tipos de bebidas alcoólicas nacionais e importadas. Além das bebidas, a adega oferece doces, salgadinhos, refrigerantes e muito mais.

“A cerveja sempre gelada, os preços e bom atendimento são os nossos diferenciais”, destaca Vanessa Freitas do Carmo, a responsável pela Pit Stop, ao lado do marido, Rodrigo da Nóbrega Costa. Outro diferencial é que agora você pode comer um churrasquinho preparado pelo Diego Mendonça enquanto escolhe ou aguarda a sua bebida.

O espaço tem funcionado das 10 horas até às 20 horas, de segunda a sábado. Aos domingos o comércio fica aberto meio período. O telefone para contato é (11) 4727-5055.

Adega da Família

A Adega da Família, localizada em Jundiapeba, tem mais de 20 anos de mercado e já cresceu bastante. Além da sede visitada pela GAZETA, Gleice da Silva Melo, proprietária da adega, conta que já tem mais quatro filiais, sendo que três delas também ficam também em Jundiapeba.

São vários tipos de bebidas – tem de diversos tamanhos e para todos os gostos. A Adega da Família realiza entregas e o telefone para pedidos é o (11) 94780-0363 (WhatsApp).

A unidade visitada pela GAZETA fica na Rua Granada, n° 67, e funciona todos os dias das 8 horas às 19 horas

Adega Rota 77

A Adega Rota 77 nasceu durante a pandemia e conta com diversas bebidas fermentadas (cerveja) e destiladas (Vodka e Whisky), além dos famosos “copões” com batidas, como “Chevette”. O comércio também vende refrigerantes, cigarros, doces e muito mais.

O estabelecimento está localizado na Rua Capitão Joaquim de Mello Freire, n°72, Vila Vitória. O horário de funcionamento é das 11 horas às 22 horas todos os dias. Os telefones para pedidos são (11) 94022-5946 (WhatsApp), 95240-9178 (WhatsApp) e 4312-6324.

Adega Altas Horas

Diferente das demais, a Adega Altas Horas comercializa produtos alimentícios e de higiene pessoal. Localizada em uma área rural, na Rua São José, no bairro Chácara dos Baianos, que pertence ao distrito de Jundiapeba, o comércio funciona também como um mercadinho do bairro.

“Acho que nosso diferencial é justamente ter comida, aqui a gente tem de tudo”, destaca a funcionária do estabelecimento Camila dos Santos.

A Adega Altas Horas funciona dos os dias, das 10 horas às 0 horas.

Adega do Tonho

A Adega do Tonho, localizada Rua Capitão Joaquim de Mello Freire, na Vila Vitória, nasceu meses antes da pandemia e oferece vários tipos de bebidas, sem contar que tem sempre aquela cerveja gelada. O espaço funciona todos os dias das 10 horas às 0 horas.

Adega da Praça

A pandemia despertou o empreendedorismo em Guilherme Derencio, 26 anos. Ele viu em Salesópolis uma oportunidade de seu próprio negócio. O engenheiro é o proprietário da Adega da Praça.

A Adega da Praça oferece diversos tipos de bebidas alcoólicas e não alcoólicas, e também conta com uma vasta variedade de acessórios para narguilé, como essências. Também mantém em sua lista de opções salgadinhos, doces, produtos alimentícios (arroz, feijão, sal, açúcar e muito mais), além de produtos de higiene.

A Adega da Praça fica na Rua Nossa Senhora de Fátima, n° 227, no Centro de Salesópolis. Ela funciona de segunda a domingo e o telefone para contato é (11) 97340-8370 (WhatsApp).

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*