Alexandre Almeida não descarta concorrer às eleições deste ano em Mogi

Resultados positivos em eleições anteriores são baliza para Almeida. Foto: Renan Xavier

 

Por Lailson Nascimento

De Mogi

 

O sindicalista Alexandre Almeida (PT) ainda não descartou a possibilidade de participar das eleições municipais de Mogi das Cruzes deste ano. Embora não tenha definido o cargo ao qual pretende concorrer, Almeida tem levado em conta os resultados alcançados por ele nos pleitos de 2012 (eleições municipais, quando concorreu como candidato a vereador) e 2014 (quando concorreu como candidato a deputado estadual).

Em conversa informal com a reportagem do Gazeta Regional, ele destacou que os resultados positivos obtidos nas eleições anteriores servem de baliza para o seu futuro político.

“Logo que comecei a morar em Mogi, lancei candidatura pela primeira vez na cidade. E, naquela ocasião, apesar do pouco tempo em que aqui estava, recebi 693 votos para vereador, sendo o 5º mais votado pelo PT. Dois anos depois, disponibilizei meu nome para deputado, alcançando 5 mil votos. Pelos bons resultados, tenho força e sou um dos políticos com mais adesão popular na região”, avalia.

Sobre o momento de crise enfrentado pelo PT, Almeida acredita que se trata de uma fase passageira. “Virou moda colocar a culpa no PT. Mas as pessoas se esquecem que, nos últimos sete anos, o governo federal trouxe R$ 776.232.333,621 para obras em Mogi das Cruzes. Será que a culpa é realmente do PT? As principais obras de infraestrutura e de educação só aconteceram por conta dos investimentos do governo federal”, enaltece.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*