Arujá inicia transição de governo

A passagem entre as gestões teve início com uma reunião no Paço Municipal

Da Redação / Foto: Divulgação

A transição de governo entre o atual prefeito, José Luiz Monteiro (MDB), o Zé Luiz, e o prefeito eleito para o próximo mandato, Luis Camargo (PSD), o Dr. Luis Camargo, teve início na última semana, em Arujá.

Após uma reunião entre eles, no Paço Municipal, uma comissão composta por oito membros começou oficialmente os procedimentos da mudança de gestão na cidade.

Instituída via decreto e portaria, ambos disponíveis no site da prefeitura, a equipe de transição é paritária e conta com nomes indicados tanto pelo atual prefeito quanto pelo próximo gestor municipal.

A comissão tem o objetivo de se inteirar sobre o funcionamento da administração pública, por meio de relatórios, informações e documentos disponibilizados pelo Executivo.

Os indicados de Monteiro são os atuais secretários Juvenal Fernando Penteado (Planejamento), Eduardo Rodrigues Pinhel (Assuntos Jurídicos), Caio Cesar Vieira de Araújo (Finanças) e Fernando Josea Heras Alegri (Governo). Já os nomes designados por Camargo são Marco Aurélio Valdanha, Rogério Gonçalves Pereira, José Carlos Santos, Paulo Roberto Damasceno e Elaine Cristina Gentil Baptista dos Santos.

Uma sala na prefeitura foi disponibilizada para a comissão realizar os trabalhos. A transição entre os governos deve durar até o fim do ano. O procedimento ocorre com base nos princípios previstos no artigo 37 da Constituição Federal de 1988, entre eles a publicidade, a moralidade e a eficiência.

“Iniciamos esse processo de forma muito tranquila e amistosa. A transição de governo será transparente, republicana e democrática. Na gestão de políticas públicas, as questões eleitorais ficam de lado. O foco é o bem da cidade. Eu e o Camargo, a quem desejo muita sorte, temos esse pensamento”, afirma o prefeito José Luiz Monteiro.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*