Bares e restaurantes da região poderão abrir para consumo no local a partir de segunda-feira (13)

O Alto Tietê está na fase amarela do Plano São Paulo; Salões de Beleza e Academias também poderão ser abertos

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Reprodução

O governador João Doria (PSDB) anunciou, na sexta-feira (10), a revisão do Plano São Paulo. Com a atualização, o Alto Tietê evoluiu e está na fase amarela, sendo permitido, a partir de segunda-feira (13), a abertura de bares e restaurantes ao público.

Na fase amarela é permitida a abertura de bares e restaurantes para consumo no local, salões de beleza e academias, além de eventos, convenções e atividades culturais, todos com restrições.

As principais restrições são: capacidade limitada – ocupação máxima 40% da capacidade total do estabelecimento; funcionamento com horário reduzido – 6h diárias; distanciamento social; uso de máscaras e álcool em gel; entre outras.

Vale ressaltar que os estabelecimentos que não cumprirem as medidas de segurança estão sujeitos à multa. A classificação não é definitiva, pois se houver aumento no número de casos, a região poderá retroceder.

O avanço do Alto Tietê para a fase amarela de flexibilização se dá cerca de 30 dias de permanência da região na etapa laranja e essa nova classificação é resultado da melhoria do desempenho das cidades nos critérios de capacidade hospitalar e evolução da epidemia de Covid-19.

Segundo o Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê), a região tem variação positiva na taxa de ocupação de UTI (59,3%) e na oferta de leitos de UTI por 100 mil habitantes (15,6), o que coloca o Alto Tietê na cor verde em capacidade hospitalar. Na evolução da epidemia, a região melhorou os resultados em variação de casos (0,73) e de internações (0,98) – cor amarela. O único indicador ainda preocupante é o de óbitos (1,34) – cor laranja.

“Essa mudança para a fase amarela é resultado do trabalho de prefeitos e equipes técnicas para melhorar a capacidade hospitalar e controlar a evolução da doença na nossa região. Temos um longo caminho pela frente para a normalidade e é fundamental manter a união de esforços, com apoio da população, para que possamos continuar avançando, de forma segura, na flexibilização e na retomada da economia”, ressaltou o presidente do Condemat, prefeito Adriano Leite (PL).

As cidades, em sua maioria, já adiantaram a validação dos protocolos de segurança para que possam retomar o funcionamento na segunda-feira, com todos os cuidados para minimizar os riscos de contágio da doença, em especial, o distanciamento social.

A princípio, para esses novos setores, cada cidade definirá o melhor horário para o funcionamento dos estabelecimentos, dentro das seis horas diárias permitidas na fase amarela do Plano SP e do que for acordado com as categorias.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*