Cadeia neles, mandados contra mandatos

Da Redação / Arte: André Jesus

Uma coisa boa está acontecendo nessa época de pandemia, fato que até faz pensar que a humanidade tem jeito e tem remédio. Alguns políticos estão indo parar atrás das grades por estarem fazendo o que já fazem há muito tempo, surrupiando o dinheiro do povo. Nem todos estão indo ver o sol nascer quadrado, mas também não se pode esperar (pode-se até desejar) que de uma hora para outro todos os políticos corruptos. Haja cadeia!

A polícia – Federal e Civil – está de parabéns, e juntamente com a Justiça está fazendo um pouco de limpeza no país, porque por mais que se limpe, a sujeira é muita. O trabalho de faxina levaria alguma boa quantidade de anos para chegar ao que as pessoas boas e honestas utopicamente sonham em ver e deixar como legado aos filhos e à posteridade.

Todo mundo sonha um pouco. Mas ver ao vivo e em cores uma pessoa eleita pelo povo, e que depois passa a roubar o povo, sendo algemada e presa, não tem preço.

Ao vermos essa pompa toda sendo perdida diante das câmeras, com essa nobre casta tentando esconder a cara desavergonhada, é o ápice. Deus existe! É a primeira constatação feita pelos que quase sempre veem tudo acabando em pizza e que falam com pessimismo que cadeia é feita só para pobres, que a gente sabe que é e assim funciona a realidade.

No entanto, por esses dias agoniantes e angustiantes de coronavírus, parece que a Covid-19 fez bem para a Justiça, que abriu os olhos e passou a olhar bem mais e enxergar muito mais o que fazem os “homens de poder”.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*