Cães da Guarda Municipal de Ferraz passaram o domingo sem comida

De acordo com vereador Claudio Squizato, ainda não se sabe o que aconteceu para que animais ficassem sem alimento; fontes ligadas à investigação dizem que culpa é sim da gestão

Por Gabriel Dias / Foto: Divulgação

O vereador Claudio Squizato (PSB), de Ferraz de Vasconcelos, recebeu no início dessa segunda-feira (2) a notícia de que os oito cachorros do Canil da GCM (Guarda Civil Municipal) da cidade estavam sem receber alimento desde o último domingo (1).

Por telefone, o vereador esclareceu que a culpa não deve ser atrelada à prefeitura, ao contrário, “os responsáveis [comando da GCM] foram convocados a se explicarem, e todas as providências foram tomadas em caráter imediato”, explicou o parlamentar.

Por outro lado, fontes ligadas à investigação deste caso dizem que a culpa deve sim ser atrelada ao Executivo Municipal, já que o comandante da GCM, Cleverson Souza Ramos, é cargo de confiança do prefeito José Carlos Fernandes Chacon (PRB), o Zé Biruta, e responsável por manter o local em ordem e limpo.

O vereador Squizato ainda confirma que os cachorros não aparentavam ter sofrido maus tratos, e quem confirmou sua versão foi a análise de um veterinário que o acompanhou durante a visita ao canil.

Segundo a explicação do parlamentar à GAZETA, os animais, por servirem a polícia do município, devem receber alimentação em três períodos ao longo do dia, o que não aconteceu no último domingo. Ele não soube explicar os motivos pelos quais os cachorros não receberam alimentação conforme prevista, no entanto, garantiu que tudo será investigado.

De acordo com relatos do vereador, o comando do Canil estava no local desde a manhã, e logo regularizou a alimentação dos cachorros.

Ao final da ligação, Squizato disse que solicitou um relatório sobre o ocorrido. Dos oito cachorros do canil da GCM de Ferraz, quatro são aposentados e os outros quatro estão ativos para operações de combate à criminalidade no município. Este mesmo canil foi homenageado na Câmara Municipal de Ferraz por meio de uma Moção de nº056/2019.

MEDO – Segundo testemunhas, agora a tarde, alguns guardas municipais de Ferraz foram até a Delegacia de Polícia da cidade formalizar o ocorrido pela manhã no canil, ainda segundo testemunhas, estes mesmos guardas têm medo de sofrer represálias por meio de instâncias superiores ligadas à GCM e à gestão Biruta.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*