Cidade do interior de São Paulo participa de pesquisa inédita de vacinação em massa contra a Covid-19

O dia “D” da vacinação em massa será neste domingo (16), com o imunizante da AstraZenca

Da Redação / Foto: Bruno Arib

Neste domingo (16), será realizado do Dia “D” da vacinação em massa da população de Botucatu, em São Paulo, contra a Covid-19. Para a ação, uma força tarefa foi montada, serão mais de 2.500 voluntários, que irão atuar desde a recepção até a aplicação da vacina.

A cidade foi escolhida pelo Ministério da Saúde para desenvolver uma pesquisa que procura avaliar a eficácia do imunizante Oxford/AstraZeneca, distribuído no Brasil pela Fiocruz, contra novas cepas do coronavírus.

Botucatu foi escolhido para o estudo, segundo o ministério, porque reúne uma série de condições que fazem da região o local ideal para esse tipo de análise, que combina testagem em massa e sequenciamento genético da Covid-19.

O estudo deve durar oito meses, serão aplicadas às duas doses da vacina e acompanhamento da população vacinada.

O município tem cerca de 150 mil habitantes, desses, 106 mil são maiores de 18 anos, portanto, estão aptos para fazer parte do estudo.

No Alto Tietê, há cidades com características populacionais próxima de Botucatu, além disso, a região fica pero da Capital Paulista, sendo um palco interessante para estudos como esse.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*