Com a maior votação para vereador, Marcelo Brás supera adversários tradicionais de Mogi

Nordestino e de origem humilde, ele venceu políticos bem posicionados na sociedade

Por Aristides Barros / Foto: Divulgação

Natural da cidade de Pão de Açúcar, no Estado de Alagoas, o comerciante Marcelo Porfirio da Silva (PSDB), o Marcelo Brás do Sacolão, teve a maior votação para vereador em Mogi das Cruzes, que considerada como a principal cidade do Alto Tietê, arrasta a esse status a opção de votar em políticos de maior visibilidade e mais “brilho” na sociedade mogiana.

Hoje com 38 anos, chegou em Mogi em 1994, quando tinha 12 anos de idade e passou a morar no Distrito de Jundiapeba. Acostumado a pisar no barro e sujar as mãos na terra, onde tomou gosto pela agricultura, ele salienta que não tem nada do que reclamar de Mogi das Cruzes.

“A cidade acolheu a gente muito bem”, pontua, já afirmando que da boa recepção nasceu a relação amistosa.

“Na condição de vereador vou defender 100% o povo da periferia e trabalhar muito em favor da área da agricultura, brigar sempre pela causa dessa gente”, assinalou.

Líder comunitário, Marcelo Brás do Sacolão afirma que vai se debruçar sobre a questão da regularização fundiária no município, que é oficializar as moradias das pessoas que têm suas casas de fato, mas não têm de direito pela falta de escritura do imóvel, muitas vezes construídos em áreas ocupadas irregularmente.

As leis estadual e federal hoje facilitam a regularização desses imóveis e o vereador eleito diz que esse trabalho vai ser um dos carros-chefes do seu mandato.

“Vamos ver a situação dos moradores da Itaquareia, Chácara dos Baianos e outros bairros que necessitam desse tipo de atenção. Vamos começar o trabalho por ali, porque as famílias que moram naquela área precisam ter seus imóveis regularizados”, revelou.

“Em Taiaçupeba tem muito serviço para ser feito. Tem de levar energia elétrica e saneamento básico para o povo. E também melhorar muito o transporte público de Mogi, que ainda está deficiente, é o povo que tem reclamado bastante”, pontuou.

Líder comunitário, ele relembra luta pela água na Guanabara e destaca apoio de sua família

Sempre liderando reivindicações populares, ele lembra a luta que o uniu fielmente a Marcus Melo (PSDB), quando o atual prefeito ainda era pré-candidato ao cargo de comando do executivo mogiano, nas Eleições Municipais de 2016.

“Levei ele nas Chácaras Guanabara e o Melo prometeu que, se eleito fosse, iria levar rede de água para a localidade, foi eleito e pouco depois cumpriu a promessa. A briga dos moradores para ter a água e o compromisso do prefeito em atender a reivindicação foi uma grande vitória para todos”, destacou, ainda comemorando a conquista comunitária.

Marcelo Brás diz ter muitos planos para sua atividade parlamentar, mas, é cauteloso.

“Eu quero aprender muito dentro da Câmara. A cabeça está cheia de projetos, porém não adianta dar passos maiores que as pernas e nem querer abraçar o sol com as mãos”, disse à moda e saber nordestino.

“Agradeço minha vitória primeiro a Deus, depois a minha família, esposa, filhos e o meu pai, todos eles tiveram muita paciência comigo e, é claro, também agradeço aos eleitores. Eu fiquei surpreso em ser o mais votado da cidade, vou honrar com muito trabalho os 3205 votos que me confiaram”, arrematou.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*