DER vai desapropriar imóveis para iniciar corredor de ônibus entre Arujá e Itaquá

O departamento divulgou um edital para estudo dos imóveis que deverão ser desapropriados

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Bruno Arib

O DER (Departamento de Estradas e Rodagem) divulgou, na última semana, um edital para contratação de empresa especializada com o objetivo de cadastrar e avaliar imóveis a serem desapropriados às margens da Estrada de Santa Isabel (SP-056), que receberá uma série de obras na altura dos municípios de Arujá e Itaquaquecetuba.

A empresa contratada será responsável por fazer o cadastro e a avaliação mercadológica das propriedades nos trechos de Arujá e Itaquá da SP-056. O objetivo da desapropriação é a liberação dos espaços para melhorias e ampliações da rodovia.

Dentre as obras previstas para rodovia, estão: recuperação da pista e dos acostamentos entre o km 30 e 70 e a ponte sobre o Rio Tietê, complementação da duplicação entre a Ponte sobre o Rio Tietê e o km 43, implantação do Corredor de ônibus “Arujá – Itaquaquecetuba” e melhorias na SP 056, também nas cidades de Arujá e Itaquá.

O valor total estimado para a execução do objeto do R$ 1.196.471,40, com a abertura dos envelopes com as propostas prevista para o dia 19 de novembro, às 10h, na sede do DER.

O corredor de ônibus faz parte do projeto BRT Metropolitano Perimetral Alto Tietê, que visa interligar Arujá, Itaquaquecetuba, Poá e Ferraz de Vasconcelos, reduzindo o tempo de viagem entre dois municípios em 60 minutos. Ainda de acordo com o projeto inicial, o corredor deverá ter 20 quilômetros de extensão.

A proposta do BRT é de 2013 e previa também 24 estações de embarque no percurso, sendo que duas delas teriam ligação com as linhas 11-Coral e 12-Safira da CPTM (Companhia de Trens Metropolitanos).

Mogi-Dutra

A duplicação dos 7,5 quilômetros finais da Mogi-Dutra (SP-88) entre Mogi das Cruzes e Arujá, que está previsto para ser entregue em dezembro, teve mudanças em um trecho de pouco mais de um quilômetro, deixando a obra inacabada. De acordo com o DER, o motivo da mudança seria falta de desapropriação da área, mas vale ressaltar que os estudos para a desapropriação no local, como o que será feito na SP-056, começaram em 2014.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*