Em tempos de mentira, a verdade é massacrada

Da Redação / Arte: André Jesus

O Brasil se aprofundou mais em mentiras desde a vitória de Jair Bolsonaro à presidência. É um artifício sujo que ajudou, e muito, o “capitão” a chegar ao posto mais alto da política nacional.

Cá embaixo, vemos estupefatos como os dias se tornam enfadonhos com o avolumado delas que, contrariamente ao dito popular, tem pernas longas e passos ligeiros.

Num piscar de olhos se reproduzem mais que coelhos se apoderando de tudo e de todos, fazendo aumentar o imaginário, e o questionamento de quem ainda pensa, sobre se o que foi noticiado é, ou não, verdade, produto escasso na escuridão dos dias atuais.

Instrumento da enganação, a mentira leva os não pensantes – e também os maus pensantes – a promover um verdadeiro linchamento da verdade. As golpeiam ferozmente a todo instante que ela esboça reação buscando sobrepor às trevas malignas que encobrem o atual momento.

O combate é duro, os enganadores e mentirosos se lançam com fúria contra acontecimentos reais. Os repudiam duramente ruminando suas próprias “verdades”, inventadas no esconderijo da incapacidade de aceitar fatos como eles são. O negacionismo é o reduto dos imbecis.

Eles rotulam o que não aceitam de fake News. “Verdade” é apenas o que sai de suas bocas na forma de insultos e outras baixezas juntadas de seu apanhado de enganações. Mentem para sobreviver. O próprio mandatário mor usa – como um mantra – o trecho bíblico: conheça a verdade e ela o libertará. Acrescentamos: conheça os mentirosos e se liberte de suas mentiras.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*