Ex-prefeito de Ferraz Jorge Abissamra perde direitos políticos

Prefeito por dois mandatos, Abissamra vê chance de retornar ao gabinete de Ferraz ir embora com a Justiça

Por Gabriel Dias

O ex-prefeito de Ferraz de Vasconcelos, Jorge Abissamra (PSB), perdeu seus direitos políticos pelo prazo de três anos – anunciou na última semana o Ministério Público de São Paulo (MP-SP).

Abissamra virou alvo de uma ação cível pública movida à época pela Justiça da cidade e passou a ser investigado após contratar os serviços de uma empresa do ramo alimentício que atuaria na prefeitura.

A assinatura do contrato levantou suspeitas já que não houveram justificativas plausíveis que provassem os reais motivos para que fosse feita esta contratação naquela época.

De acordo com as linhas da investigação, a empresa só foi contratada por Abissamra por que o ex-prefeito tinha laços de amizade muito estreitos com uma comissionada que é esposa do proprietário desta empresa.

O MP chega às conclusões de que alguns deveres públicos foram violados pelo ex-político, sendo um deles a moralidade administrativa.

Agora, com a decisão da Justiça, o que muda na vida política de Jorge Abissamra é que o ex-prefeito perdeu o direito a concorrer a qualquer cargo político/público em todo território nacional pelo prazo de três anos.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.