Fábrica de joias em Jarinu, cidade do interior do Estado, é invadida por quadrilha

Houve explosões e troca de tiros entre bandidos e policiais

Da Redação / Foto: Reprodução Redes Sociais

A Polícia Civil investiga um ataque a uma joalheria e a dois mercados, em Jarinu, cidade a 75 km de São Paulo, na madrugada desta terça-feira (13).

De acordo com a PM (Polícia Militar), homens fortemente armados com fuzis e explosivos se espalharam em vários pontos da cidade.

Durante a ação, eles explodiram uma empresa de joias. Houve troca de tiros entre a PM e os bandidos, que conseguiram fugir. Ninguém ficou ferido.

Os criminosos atearam fogo em veículos na principal estrada que dá acesso ao local para dificultar o acesso e a ação da polícia.

O barulho de tiros e explosões foi ouvido na pequena cidade de 30 mil habitantes. Equipes do Grupo de Ações Táticas, Grupo de Operações Especiais e da Delegacia de Investigações Gerais de Jundiaí ainda estão no local, assim como a perícia.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*