Inho endurece regras para combater o avanço da pandemia em Biritiba Mirim

Cidades terá mais leitos

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Bruno Arib

O prefeito de Biritiba Mirim, Carlos Alberto Taino Junior (PL), o Inho, definiu as regras da fase vermelha do Plano São Paulo no município, por meio do decreto n° 3.567. As medidas acompanham as decisões do Governo do Estado, mas tem regras ainda mais duras.

Como previsto no Plano São Paulo, na fase vermelha só podem funcionar serviços essenciais. Há também um toque de restrição para circulação de pessoas entre às 20 horas e 5 horas, no entanto, em Biritiba outras medidas mais rígidas foram adotadas, como a proibição de venda de bebidas alcoólicas nos dias 6, 7, 13 e 14 de março, além da proibição de cultos, missas e outras atividades religiosas que gerem aglomeração.

A fiscalização será reforçada, pois a prefeitura montou uma força tarefa com a participação de agentes da vigilância, fiscais de posturas e a Polícia Militar.

Outras ações de combate à pandemia estão sendo adotadas pelo município, como a abertura de novos leitos no PA (Pronto Atendimento Municipal) munidos de respiradores e melhorias na triagem e no atendimento de casos positivos e suspeitos da doença, no PA.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*