Junho começa com saldo de 3.361 casos confirmados de coronavírus

Acompanhe atualização diária sobre coronavírus no Alto Tietê com GAZETA e Painel Jornalismo de Dados

Da Redação / Foto: Ilustração

O mês de junho começa com um saldo de 3.361 casos confirmados de coronavírus nas 10 cidades do Alto Tietê.  Desses, 1.444 estão recuperados, o que corresponde 42,9% do total. A doença deixou, até o momento, um saldo de 358 vítimas fatais – 10,6% dos infectados.

De sexta-feira até hoje, a região teve 38 registros de óbitos, ocorridos nas cidades de Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Santa Isabel e Suzano.

Desde março, a região contabiliza 12.225 notificações de Covid-19, sendo que 5.178 foram descartadas, o que representa 42,3% das suspeitas. Há, ainda, 1.567 pacientes aguardando resultados de exames para confirmação ou não do diagnóstico.

Biritiba Mirim

  • Mulher – 73 anos

Ferraz de Vasconcelos

  • Mulher – 77 anos
  • Homem – 58 anos
  • Mulher – 60 anos
  • Mulher – 74 anos
  • Homem – 62 anos

Itaquaquecetuba

  • Homem – 70 anos
  • Homem – 90 anos
  • Homem – 51 anos
  • Homem – 46 anos
  • Homem – 44 anos
  • Homem – 47 anos
  • Homem – 41 anos
  • Mulher – 71 anos
  • Mulher – 73 anos
  • Mulher – 68 anos
  • Mulher – 53 anos

Mogi das Cruzes

  • Homem – 56 anos
  • Homem – 41 anos
  • Mulher – 36 anos
  • Mulher – 67 anos
  • Homem – 77 anos
  • Homem – 41 anos
  • Homem – 60 anos
  • Homem – 56 anos
  • Homem – 72 anos
  • Mulher – 67 anos

Santa Isabel

  • Mulher – 55 anos
  • Homem – 65 anos
  • Homem – 68 anos
  • Homem – 76 anos

Suzano

  • Mulher – 84 anos
  • Mulher – 84 anos
  • Homem – 57 anos
  • Homem – 69 anos
  • Mulher – 36 anos
  • Homem – 53 anos
  • Homem – 71 anos

Confira a tabela desenvolvida pelo Painel Jornalismo:

*Os dados do gráfico são atualizados diariamente entre às 19h e 21h

VEJA MAIS

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*