Mineiro do Restaurante fala de seus projetos realizados e sobre a pretensão de ‘fazer mais’ por Salesópolis

Parlamentar fez balanço de seu primeiro mandato e assinalou outros projetos que vai defender

Por Aristides Barros / Foto: Divulgação

O vereador Paulo Cézar Monteiro (PL), o Mineiro do Restaurante, em entrevista à GAZETA fez uma explanação de seu primeiro mandato parlamentar e logo na sequência assinalou o desejo de querer “fazer mais ações pelo povo e pela cidade de Salesópolis”, em uma possível reeleição para o segundo mandato.

Mineiro do Restaurante começou elencando a Feira Noturna, evento destinado aos pequenos e médios agricultores realizado todas as noites de sexta-feira, onde os produtores de hortifruti de Salesópolis passaram a vender sua produção na própria cidade e, além de movimentar a economia local, também gerou empregos aos salesopolenses.

“Foi uma vitória muito grande para o município e os produtores lucraram de forma que não precisaram fazer feira fora da cidade. Teve um dono de barraca que me parabenizou ao citar que ele conseguiu bons lucros sem ter de sair do município”, falou.

A falta de emprego para a juventude preocupa o vereador, que pretende “tirar” da gaveta o projeto Internet Para Todos e “amarrá-lo” ao projeto de geração de empregos por meio do processo de regularização fundiária, que “abrirá” áreas para a instalação de empresas não poluentes na cidade.

“Salesópolis sofre uma série de restrições ambientais que impedem as indústrias de se instalarem no município. Via a liberação de uma ou mais áreas para essa finalidade, dentro de um processo de regularização fundiária, as empresas virão. Elas terão de ter acesso fácil à internet, o que pode ser conseguido e ampliado mediante ao programa Internet Para todos, que é do Governo Federal”, explica.

Mineiro do Restaurante assinala que essa é uma ideia em aberto e que precisa de mentes progressistas para colocá-las em prática.

“É preciso iniciativas que tragam os jovens para a realidade de Salesópolis, que está crescendo populacionalmente sem oferecer serviço para toda essa mão de obra que nós temos. Vou me empenhar nesse tema no próximo mandato, caso aconteça de eu ser reeleito e é um trabalho que tem de ser participado por todos os políticos da cidade”, afirma. “Apoiar o Executivo nesses projetos é de suma importância aos vereadores. Ser oposição a isso não é ser oposição ao prefeito, é ser oposição ao município e ser contra a população”, observa.

O vereador, que é formado em processos gerenciais e pós-graduado em gestão pública, destaca que seu lema e sua conduta é responsabilidade, transparência, honestidade, respeito com o público e compromisso com o município.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*