Mogianos fazem sugestões ao futuro prefeito

As vésperas das eleições municipais, Gazeta Regional abre espaço para a população dizer o que espera do próximo governo. Fotos: Bruno Arib

 

De Mogi

 

Desde que teve início o período da campanha eleitoral gratuita nas emissoras de rádio e televisão, os mogianos têm visto duas cidades apresentadas pelos principais concorrentes à prefeitura. Enquanto Marcus Melo (PSDB) procura se promover através da veiculação de projetos que deram certo no governo de Marco Bertaiolli (PSD), Luiz Carlos Gondim (SD) mostra que Mogi das Cruzes não é somente aquilo que se vê nas propagandas. Na última semana, o Gazeta Regional percorreu os principais distritos do município e apurou que os eleitores reconhecem a eficiência do atual gestor, mas ainda convivem com problemas simples, como esgoto correndo dentro de suas casas. O resultado pode ser conferido abaixo:

 

Jundiapeba

Em Jundiapeba, a avenida Venezuela apresenta um cenário bem diferente do que é visto no Centro da cidade. Apesar de ser um bairro antigo, os moradores ainda sofrem com a falta de saneamento básico e pavimentação. Eles esperam que o próximo gestor resolva o antigo problema.

Sem pavimentação e rede de esgoto, o morador José Odair Antunes, de 70 anos, relata a situação da via.  “Moro há 30 anos e nunca fizeram nada por nós. Nunca tivemos rede de esgoto, estamos sem pavimentação e tudo caindo aos pedaços. Quando chove, transborda a valeta de esgoto e invade a casa do pessoal. Eu tenho até vergonha de dizer que aqui é uma avenida. Até gato e rato morre nesse esgoto a céu aberto”.

 

Brás Cubas

Mesmo com o Hospital Municipal e diversas Unidades básicas de Saúde (UBS) espalhadas pelo distrito, Brás Cubas ainda registra casos de moradores que não conseguem atendimento próximo de casa.

Priscila Aparecida dos Santos mora na travessa Seilão, no bairro do Oropó, há oito meses. Ela é uma das moradoras do bairro que têm dificuldades em utilizar o serviço público. “Estive na ESF do Jardim Aeroporto III com meu filho mais novo, mas não consegui cadastro para ele, muito menos consulta com o pediatra. Eu fui informada que já havia quatro mil cadastrados e não tinha mais como efetuar o atendimento às crianças. Pediram para que eu fosse ao hospital de Brás Cubas ou em outra um unidade. Nesse dia o meu filho ficou sem atendimento”.

 

César de Souza

No Distrito de César de Souza, o local que mais apresenta problemas é o Conjunto Jefferson. Algumas mães sugerem a ampliação do número de vagas na única creche do bairro. “A minha filha tem dois anos e, desde que ela nasceu, estou aguardando uma vaga. Eu espero que a prefeitura resolva essa situação e passe a atender mais crianças”, relata Sandra dos Santos.

Questionada, a atual administração informou que a “Secretaria Municipal de Educação informa que há um estudo para o levantamento de um terreno no bairro para a construção de uma nova unidade”. Cabe ressaltar que a futura construção ficará a cargo do futuro prefeito.

Os moradores também citaram os longos intervalos do ônibus que atende o bairro e a baixa frequência da Policia Militar (PM) no local como sugestões para o próximo governante.

 

 

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*