Papa Francisco diz que ‘incêndio na Amazônia afeta o pulmão do mundo’

Para pontífice, ecossistema é mais que importante, e pede aos bilhões de fiéis no mundo que rezem pela floresta

Por Gabriel Dias / Foto: Divulgação

SÃO PAULO – Ao fazer as orações de domingo para o público que fica na Praça São Pedro, no Vaticano, Papa Francisco lembrou, no último final de semana, dos incêndios na Amazônia, e pediu aos mais de 1,3 bilhões de fiéis que rezem para que as chamas que matam a floresta brasileira sejam controladas pelas forças de segurança do País.

Papa Francisco ainda disse ao público que “os incêndios na Amazônia afetam os pulmões do Planeta Terra”.

Em maio deste ano o pontífice se reuniu com o indígena Raoni, da reserva do Xingu, que visitava países na expectativa de arrecadar fundos para proteger a aldeia do desmatamento ilegal da Amazônia.

“É preciso rezar e pedir para que haja empenho dos homens em acabar com estes incêndios”, disse Francisco em praça pública.

Em uma de suas inúmeras encíclicas publicadas, uma chama atenção, a “Laudo si”, que trata de temas polêmicos, como por exemplo o ecossistema, e principalmente a realidade que vive a floresta da Amazônia com o desmatamento e o interesse ilegal e comercial até de outros países do mundo.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.