SP-56, nos trechos entre Arujá e Itaquá, terá investimentos de R$ 248 milhões

Obra contempla a duplicação da atual pista, corredor de ônibus e ciclovias

Por Giovanna Figueiredo / Foto: Divulgação

Mais de 30 mil motoristas passam diariamente pela Rodovia Alberto Hinoto (SP-056) e serão beneficiados com as obras de duplicação da via entre Arujá e Itaquaquecetuba, que serão realizadas pelo DER (Departamento de Estradas e Rodagens) e deverão iniciar em 2021.

O anúncio do edital para as obras, com um de R$ 248,6 milhões, foi feito na sexta-feira (30) pelo governador interino, Rodrigo Garcia (DEM), em Itaquá. As melhorias na rodovia são de reinvindicação constante do deputado estadual André do Prado (PL) e do deputado federal Márcio Alvino (PL).

O projeto prevê a recuperação da pista, com a duplicação em dois lotes. O primeiro, do km 30,7 ao 34,7, com orçamento estimado de R$ 128,4 milhões. Já no segundo, o investimento deverá ser R$ 120,1 milhões e contemplará a via entre os kms 34,7 e 40,1. Está previsto também um corredor de ônibus e ciclovias.

“Obras como essa trazem mais segurança, conforto e qualidade de vida para as pessoas que usam a estrada pela economia de tempo. É mais tempo para a família, mais tempo para o desenvolvimento dos negócios”, afirmou o governador em exercício.

Presente ao evento, André do Prado ressaltou que a obra é um sonho da região há 30 anos. “Colocar o projeto em prática foi uma das minhas prioridades como deputado neste mandato e, depois de dois anos, vir dar essa notícia é motivo de orgulho para mim.”

A via tem um grande número de veículos, o que acaba gerando trânsito e muitos transtornos aos que por ela trafegam.

“Essa obra vai acabar com esse trânsito, a via vai ser totalmente duplicada. Vai trazer desenvolvimento para a região, porque quando você duplica uma área como essa, outros investimentos surgem. Aqui serão gerados milhares de empregos, vão se instalar comércios e indústrias, vai melhorar a arrecadação de Itaquaquecetuba e Arujá, sem contar a mobilidade e a qualidade de vida que também vão melhorar”, enfatizou o deputado.

Sobre o corredor de ônibus, que deverá diminuir o tempo do trajeto entre as duas cidades, André do Prado afirmou que houve uma agregação do projeto do BRT Metropolitano Alto Tietê que previa um corredor de ônibus interligando as cidades de Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Itaqua e Poá.

“Foram agregados os projetos, o DER buscou parte daquele projeto de EMTU do BRT Metropolitano, tanto que o terceiro trecho, que ainda não está nessa licitação, porque a EMTU está adequando algumas coisas com o DER, será licitado daqui a 30 dias. Esse terceiro trecho vai ter um investimento de R$ 80 milhões, então na verdade essa obra vai ser de R$ 320 milhões”, finalizou.

Gazeta Regional

Fundada por Laerton Santos no início dos anos 2000, a GAZETA tem como principal missão integrar as dez cidades que compõem a região do Alto Tietê, tendo como diferencial o olhar crítico que define a linha editorial do veículo. Em busca de contato cada vez mais próximo com seu público, o jornal tem investido na cobertura diária, utilizando as mídias digitais para esse fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*